Mensagens

A mostrar mensagens de Setembro, 2009

Millennium de Stieg Larson: Os homens que odeiam as mulheres

Imagem
Li os livros de Stieg Larson de uma assentada. Foram três livros entre as quinhentas e as mais de setecentas páginas de leitura compulsiva. Pela narrativa contagiante e contaminante que o autor imprimiu às três histórias. Quando terminei, a primeira sensação foi de alguma desolação por ... não haver mais para ler.
Não são, em minha opinião, livros de uma literatura de elevado grau, de uma escrita marcante e profunda, ou que possam constituir um padrão e um marco na literatura europeia e sueca. Mas são histórias que têm muitas qualidade. Antes de mais a febre de ler. O prazer regressado de boas histórias, bem contadas e que nos fazem esquecer algumas incongruências do autor, para nos deliciarmos com a vertiginosa sucessão de acontecimentos, não sem que sejam marcantes do ponto de vista da visão e ideias do escritor: a injustiça para com as mulheres, injustiça social em geral, corrupção e manipulação de órgãos de poder e instituições, racismos, etc.
Larson construiu duas personagens fasc…

PSD

Imagem
Analisadas as causas da triste vitória do PS nas Legislativas, fica-me sempre o sabor de uma derrota mal aceite, do PSD e, mais importante, a ideia de que o maior, se não o único responsável foi o PSD. Foi e tem sido o PSD.
Desde o trabalho que tem feito na oposição, aos escândalos que têm ferido e manchado o PSD, nada é inconsequente e tudo tem sido, e deve, ter uma factura. Se é certo que o PS tem uma história igual ou pior, de escândalos e sombras negras que pairam sobre a sua honestidade e honorabilidade, é também certo que tal não isenta o PSD das suas próprias responsabilidades. E responsabilidades e justificações devidas ao povo português. Agora prevê-se que o PSD venha a ganhar as Autárquicas. Mais responsabilidade tem um partido com esta importância, junto dos seus potenciais eleitores, para que, de uma vez, efectue uma varridela interna dos quadros que se têm mostrado, ora arrogantes, ora desinteressados, ora interessados na sua causa própria e pessoal, ora se têm aproveito …

A Democracia e 'O Problema'

Imagem
Saber perder é uma atitude positiva, por quanto é elegante, talvez responsável e talvez louvável. Mas saber perder, não é gostar de perder. E porque não se 'gosta' de perder, em Democracia, quando se devia, talvez, antes aceitar a decisão de outros, neste caso da maioria? Porque a vitória de 'outros', neste caso, não só não desvanece a preocupação que antes havia, de um futuro negro, bem duro e totalmente comprometido para o país. Porque este PS comprometeu economicamente o país, ao estourar com as contas públicas, ao contrário da propaganda oficial do anterior governo. Uma economia sem dinâmica, a morrer, asfixiada pelos impostos e endividada por muitas e muitas gerações. Uma Democracia empenhada, com as manobras e manipulações da Justiça, da Comunicação Social, da Educação, da Agricultura, da Saúde, da Indústria, e até, como se verá proximamente, da nossa política energética (comprometida com negociozinhos entre amigalhaços socialistas e afins).
Mas, hoje, uma circuns…

De Luto

Imagem
Um país de luto!
Eu sinto-me de luto e sinto, pela primeira vez, a vergonha de ter nascido neste país...
Sem o saber ainda, o povo votou no suicídio colectivo. Já tínhamos o exemplo de Espanha, que agora agonia com o desemprego, o insucesso económico, a degradação social e a estagnação do desenvolvimento: a segunda mais elevada dívida externa, a taxa de desemprego mais elevada da Europa, a maior corrupção europeia, o 'dinheiro negro' o leite negro, as falsas estatítsicas...
Mas os portugueses não se informam, não querem saber. Não se informam sobre a verdadeira expressão da desgraça em que o PS nos deixou...e deixará ainda mais. Não se informam, nem entendem, e não os informaram adequadamente. O PSD pode agora ficar ainda pior do que no tempo de Santana Lopes.
Somos uma vergonha internacional: a justiça manipulada por um homem que nem tem formação, e mente sobre a mesma. Mente sobre tudo e todas as coisas, com a mesma facilidade com que impunemente o deixam fazer. Enganam-se as p…

Em resposta a comentários simpáticos: O PS ganha e desgraça-nos mais um pouco ainda...?

Imagem
Obrigado pelos vários comentários. Desculpem não ter respondido logo, e a cada um. Na realidade...concordo em que o PSD não se esforçou para ganhar ao PS e, se acontecer o que as previsões indicam, embora algumas vezes se enganem, e possa surgir uma surpresa, o PS irá, de novo, para o poder, continuar a sua senda de endividamento do país. A despesa pública nunca diminuiu, e a pequena parte que decresceu, no início da legislatura com maioria do PS, foi a que, nessa altura e hoje já não, não devia ter.se perdido: despesa de investimento. Hoje, a despesa corrente é maior do que nunca, e só foi camuflada, estatisticamente, com algum crescimento do PIB, acanhado, no início desta triste maioria PS, porque a base de cálculo era maior.
Hoje, temos uma dívida externa imensa e com perspectivas de crescer, dada a insistência em obras que, mesmo que se justifiquem, pela necessidade e uso que delas se venha a fazer (TGV, novas auto-estradas, nova travessia do Tejo, novo aeroporto de Lisboa, etc), nã…

Escutas na Presidência da República

O 'caso das escutas' na Presidência da República voltou à baila. Cavaco esquivou-se a comentar. Alegou que não pretende comentar casos de partidários. Mas será este um caso partidário? Ou um caso de UM Partido? O PS. Que é o único que está no Governo e, como tal, tem acesso ao SIS (Serviço de Informações e Segurança) e a outros serviços que podem ter condições para tais atitudes, claramente antidemocráticas.
Uma coisa mais, que mostra, para mim, que Cavaco se engana, quando diz que não vai agora investigar, por ser época de eleições: fazer escutas na Presidência não diz respeito ao Presidente. Mas a todos nós! Diz respeito aos portugueses, por se tratar de um atentado à Democracia, de novo. Um atentado e um golpe de Estado! O primeiro órgão institucional do país está sob escuta e vigilância e esse é um Órgão eleito.
Sócrates diz que o director do Público tem muita imaginação. E é sempre assim que ele resolve todos os casos e pessoas que o põem em causa, o 'Grande Democrata&…

Sondagem Legislativas 2009

Imagem
Há uns dias saiu uma sondagem de uma empresa, Aximage, que dava a vitória ao PS com cerca de 41% !?!
Agora uma sondagem da Universidade Católica indica que o PS pode ter 37 %, com tendência para descer e o PSD 35 %, com tendência para subir. O BE poderá chegar a uns inimagináveis e muito pejudiciais 11 %, ficando o PCP (CDU) por 8 % e o CDS-PP por 6 %.
Ora, as sondagens da Católica costumam ser das mais rigorosas das que habitualmente se realizam em Portugal, tanto quanto as da Eurosondagem, do amigo de Sócrates, já denunciadas um dia por Manuel Alegre, as que mais tendenciosas temos por cá.
Veremos se estas sondagens batem certo e...faço aqui a minha aposta em como o PS nem assim terá mais pontos percentuais do que o PSD e, em termos do que interessa para a Democracia semi-parlamentar que, por definição, temos, em número de Deputados, ganhará claramente o PSD. E ...aposto numa diferença de alguns pontos mais do que esta sondagem da Católica. Algo como, exactamente o inverso destes númer…

PSD

O PSD actual, com a Direcção de Ferreira Leite e delfins com Paulo Rangel não apresenta ainda, em minha opinião, as características que os portugueses anseiam a todo o momento que surjam num partido de oposição a este PS incompetente que nos tem (des) governado.
No último Prós & Contras, Paulo Rangel não se apresentava como um político carismático, seguro e afirmativo. Antes se deixava levar na corrente de ironia e com falta de seriedade de um 'agarotado' Augusto Santos Silva.
Há uns dias, quando da apresentação da candidatura de Isabel Meirelles, por Oeiras, Paulo Rangel e a própria candidata que disputa a eleição com Isaltino Morais, também não desvendavam uma chama, um fogo que se necessita incendeie quem os ouve e faça alterar tendências de voto, dando-lhes a eleição, contra o que as sondagens possam vaticinar.
Pelo que tenho visto e ouvido, apostaria que o PSD bem podia chegar nas legislativas a uns claros 30 a 35 %, contra uns, no máximo, 25- 29% do PS. Mas nesta fase,…

Prós & Contras

Imagem
Um debate com representantes dos cinco partidos parlamentares, muito pouco esclarecedor.
Um ponto interessante, que pelos vistos passou despercebido dos intervenientes no debate, assim como a Fátima Campos Ferreira, a (pseudo) moderadora: Santos Silva provocava Paulo Rangel quanto à proposta eleitoral do PSD referente à descida da Taxa Social única, que aquele partido apresenta como uma das medidas para reanimar o emprego (por mim duvido, e acho de muito pouco alcance, enfim...). Santos Silva ia dizendo que o valor dessa proposta vale cerca de mil milhões de Euros, contrapondo Rangel com setecentos milhões. E, ironizava o socialista com 'então querem parar com o projecto do TGV porque é caro, mas depois querem que o Estado receba menos mil mihões de Euros' (não foram estas as exactas palavras de Santos Silva, mas foram próximas e com este sentido). E ninguém, mas ninguém, referia que:
Uma coisa é despender doze mil milhões (12 mil milhões!) de Euros num TGV de muito duvidosa uti…

Mor Karbasi na Fábrica da Pólvora, Oeiras. 4 de Setembro de 2009

Imagem
(fotos do autor, direitos reservados)
Uma cantora de música tradicional Judaica, ladina ou sefardita (sefarditas eram os judeus oriundos da Península Ibérica, designada de Sefarad pelos judeus). Uma nova voz na música tradicional de Israel. Uma voz verdadeiramente ímpar, de tom mezzo-soprano, com versatilidade e modulação únicas. Uma carreira que vale a pena seguir.

TVI e Prisa: Nova prepotência de Espanha e de Sócrates

Imagem
Hoje tivemos conhecimento de mais um escândalo da Democracia. A administração da TVi suspendeu o Jornal de Sexta. Em resposta a Direcção de informação e as Redacções demitiram-se em bloco.
Um Socialista pouco escrupuloso e menos ainda, democrático, mas profundamente clubista e seguidista, dirá que é normal. Trata-se de uma empresa privada, independente e o PS não tem obviamente nada a ver com a decisão, ilícita ainda para mais, visto que uma Administração de um órgão de comunicação nada tem a ver com orientações jornalísticas do mesmo. Apenas tem a ver com sucesso económico do respectivo órgão.
Podíamos dar esse benefício de dúvida, não fora já os casos do BCP, da Caixa Geral, da PT, do Banco de Portugal, da Mota & Companhia, da Autoridade da Concorrência, etc.
Mas mesmo que não houvessem esses casos, o da TVI seria gritante. Uma empresa controlada por um grupo económico espanhol simpatizante e parceiro do PSOE, pretende determinar a orientação num outro país, a dar a uma Direcção d…

Sócrates Vs. Portas na TVi

Imagem
(in jornal i, 3.09.09)
"Na recta final do debate, José Sócrates teve uma deriva cinéfila: "Há um filme que se chama 'Sei o que fizeste no Verão passado'. E os portugueses sabem o que você fez no governo passado". Paulo Portas contrapôs: "O que está em julgamento é a maioria absoluta que este governo teve. Para si, ou tudo é culpa do passado ou é culpa do mundo" (in i, 3.09.09).
Portas falou de absurdos xenófobos e securitaristas, e Sócrates só contrapunha com 'quando o senhor esteve no Governo', fórmula totalmente gasta, porque, de facto, o que está em 'julgamento eleitoral' em jogo é a maioria absoluta, incompetente, prepopente e anti-democrática deste PS. Mas já não há nada a fazer pois, como dizia o Princepezinho de Saint-Exupéry, é 'da natureza' de Sócrates. Escuda-se ele em números trabalhados.
Ontem Portas apontava as 'melhorias' e 'milagres' de Sócrates com gráficos e mais gráficos, mas são, realmente, verda…