Mensagens

A mostrar mensagens de Março, 2011

Fantasmas, fantasias, medos e mentiras

É uma táctica antiga para ganhar simpatias eleitorais. Provocar o medo na população. É o que pretende o PS, quando desencadeia a crise de que se fala. O medo de uma crise política, porque ela pode causar muitos danos às finanças do país. E porquê? Porque já sabe que terá de haver eleições. Porque já percebeu que terá de dar tudo por tudo para voltar a ter legitimidade, que não a perdeu de forma institucional, mas de forma tácita, por ausência de apoio social e de todo o espectro político, sendo um Governo minoritário.


O problema com que o PS tenta acenar ao país e fazer surgir o medo de uma crise é o de serem dificultadas as condições de financiamento externo. Uma imensa falsidade. Nunca a União Europeia poderá deixar cair um Estado Membro. O financiamento, como se verá após eleições, estará facilitado com um Governo em que Sócrates não entre, liderado pelo PSD, eventualmente com o CDS e até o PS. Mas nunca um Governo com o PS em posição de força dará garantias a Portugal ou, tão ou m…

Portugal elogiado em Bruxelas, mas sob “ vigilância apertada” (Diario de Noticias, 12 Mar 2011, Page 19)

Imagem
Sim, pois... caso para dizer: 'não são eles que levam com elas'. Bruxelas...Berlim, Paris. Têm todos imensa razão. A razão que lhes advém de serem nossos credores. Nossos actuais e futuros credores e 'seguradores do esbanjamento de Sócrates'. Mas nada mais do que isso. Ora, o respeito e aplauso devia ser para os portugueses e não para este mentiroso incompetente e mafioso, que nos rouba há anos e seguramente já garantiu o seu futuro pessoal como gestor de uma qualquer empresa 'amiga' (BES, BPC?). Pois Bruxelas não tem razão! Razão temos nós, portugueses e com ela expulsaremos Sócrates E os seus apaniguados, também falsos, também mentirosos e também abusadores do Estado. Mafiosos, numa palavra.
Portugal elogiado em Bruxelas, mas sob “ vigilância apertada”
PATRÍCIAVIEGAS, em Bruxelas
Diario de Noticias
12 Mar 2011

José Sócrates viu ontem à noite as suas novas medidas de austeridade apoiadas por uma declaração conjunta do BCE e da Comissão Europeia, que, apesar diss…

Cavaco Silva

Um Presidente fiel aos seus princípios, pelos quais foi eleito e com os quais sempre ganhou a confiança dos portugueses: dizer a verdade, mesmo que essa seja amarga e dura a alguns. Neste caso, a Sócrates, que diz muitas vezes ter estado sozinho. Claro, como sempre terminam os déspotas, os falsos, os mentirosos, os mafiosos, os ocos de carácter e, principalmente, os que tudo fazem para, arrogantemente, se intitularem do que nunca ninguém lhes outorgou. Pensar pelos outros, achar-se no direito, nunca ganho, nunca legitimado, de considerar que sabe pelos outros, o que para eles é melhor.
Só pode ficar isolado, este Sócrates vergonhoso, um garoto sem nível, um político mísero e que teima em levar-nos ao mais fundo da lama que gerou.
Agora, Sócrates tem diariamente uma batalha: a de conseguir financiamento externo. Apenas conseguir financiamento, para mais fazer crescer a nossa dívida e comprometer mais o nosso futuro e dos nossos filhos e netos, que ainda nem têm noção de quão lhes será di…